AlimentaçãoConsumoSemana Temática

Você sabe quanta água é necessária para produzir 1 Kg de carne?

A necessidade de economizarmos água já é uma realidade para todos nós, porque é um recurso natural finito e essencial à nossa vida. Algumas mudanças de hábitos, como tomar banhos mais curtos e reutilizar água para regar plantas ou lavar calçadas já ajudam muito, mas existem outras formas de economia de água, escondidas nos produtos que usamos todos os dias.

Afinal, você já parou para pensar qual é a quantidade de água utilizada na fabricação dos produtos usados no cotidiano?

Para medir a quantidade de água utilizada para cada produto ou alimento que produzimos e consumimos, a Water Footprint desenvolveu uma metodologia bem interessante, a famosa Pegada Hídrica. Ela mede o consumo direto e indireto de água em todo o ciclo de produção, da cadeia de suprimentos ao usuário final de um determinado produto.

Entram nesse cálculo da Pegada Hídrica, a utilização das águas de chuva, das águas superficiais e subterrâneas e mais a quantidade necessária para diluir os poluentes lançados nos cursos d’água, de modo que seus padrões de qualidade sejam mantidos. Leva-se em conta também o local de produção dos bens, a fonte da água e em que ponto da cadeia ela é utilizada.

Por exemplo, a Pegada Hídrica de uma calça de jeans, é o somatório da pegada hídrica de cada etapa ou processo necessário para produzir esse produto. Uma calça jeans exigirá que o algodão seja cultivado, descaroçado, além da fiação das fibras, tecelagem, costura e processamento úmido do tecido para obter o produto final. Cada etapa tem uma pegada hídrica. Dessa forma, a quantidade total de água consumida ou poluída é levada em consideração na pegada hídrica do produto.

A Pegada Hídrica é uma média global para cada produto ou alimento e varia de um país para outro ou mesmo entre fabricantes em locais próximos. Ela nos ajuda a obter uma imagem clara de como a água é utilizada pela sociedade.

Mas em que atividades ocorre maior uso da água?

Em alguns setores, a quantidade de água usada na produção é imensa e muitas vezes desproporcional. As atividades agropecuárias são as que possuem maior demanda no consumo de água no processo produtivo. De acordo com estimativas da Water Footprint, cerca de 66% da água usada na economia tem como origem as atividades agrícolas (produção de gêneros agrícolas e comercialização). As atividades pecuárias ficam com cerca de 24%, enquanto a indústria utiliza cerca de 10%.

As atividades agrícolas necessitam de muita água, principalmente, para o processo de irrigação. Já a pecuária, de forma indireta, tem alto consumo de água envolvido na fabricação de ração para a alimentação dos animais.

Alguns fatos e números

  • A produção de um quilograma de carne bovina requer 15.415 litros de água. Há uma enorme variação em torno dessa média global. A pegada hídrica depende de fatores como o tipo de sistema de produção (pastoreio, mista ou industrial) e a composição e origem da ração. A pegada hídrica de carne de bovina é maior do que as pegadas da carne de porco (5.988 litros/kg) e frango (4.325 litros/kg).
  • Para a produção de uma camisa de algodão de aproximadamente 250 gramas são necessários 2.500 litros de água. Isto é, para cada quilo de algodão, são gastos 10.000 litros de água. Essa grande quantidade de água é originada, principalmente da plantação do algodão: 45% da água é gasta na irrigação; 41% na absorção de água da chuva para o crescimento da plantação e; 14% na diluição dos resíduos de fertilizantes utilizados na safra e dos produtos químicos da indústria têxtil.
  • A pegada hídrica média global da cevada é de 1.420 litros/kg. Quando consideramos a quantidade de cevada maltada para produzir cerveja, a pegada hídrica da cerveja é de 298 litros de água por litro de cerveja. Isso significa que um copo de cerveja (250 ml) ‘custa’ 74 litros de água.
  • 1 pizza margherita (cerca de 725 gramas): 1.259 litros de água.
  • 1 taça de vinho: de 109 a 125 litros de água;
  • 1 xícara de café: 132 litros de água;
  • 1 banana grande (cerca de 200 gramas): 160 litros de água;
  • 1 ovo (cerca de 60 gramas): 196 litros de água;
  • 1 pé de alface: 237 litros de água;
  • 1 kg de leite integral: 1.020 litros de água;
  • 1 kg de açúcar: 1.782 litros de água;
  • 1 kg de arroz:  2.497 mil litros de água;
  • 1 kg de queijo: 3.178 litros de água;
  • 1 kg de chocolate: 17.196 litros de água.

Compreender nosso consumo de água pode nos ajudar a repensar nossas escolhas de consumo, optando, sempre que possível, por produtos ou alimentos que minimizem o uso desse recurso natural.

Além disso, podemos e devemos incentivar empresas e governos a tomar as medidas necessárias para garantir que haja água suficiente para sustentar todos os seres vivos em nosso planeta.

Para você calcular a sua pegada hídrica, basta clicar aqui e acessar o site da Water Footprint.

 

Com informações: Agência Nacional de Águas e Water Footprint

 

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *