ConsumoModa Sustentável

Moda Consciente: Iniciativas que aumentam o ciclo de vida das peças

A indústria da moda é a segunda maior indústria poluente do mundo. Estima-se que o equivalente a um caminhão de lixo têxtil seja gerado por segundo no planeta. 1 caminhão de lixo por segundo! Para você ter ideia, para produzir uma única camiseta de algodão, em média, são utilizados 2 mil litros de água.

Além do processo produtivo nada sustentável, nos deparamos ainda com um ciclo de vida deturpado. Pesquisas indicam que mais de 70% do que as pessoas têm nos guarda-roupas não é utilizado em um período de um ano, e, a média de uso de uma roupa, antes de ser descartada, é de sete vezes.

Imagem: Creative Commons

De acordo com o Ibope, o mercado de roupas usadas no Brasil tem potencial financeiro de mais de R$46 bilhões por ano. Levando em consideração tudo isso e o fato de que uma forma eficiente de diminuir o impacto deste setor é aumentando o ciclo de vida das peças (roupas, sapatos, bolsas, acessórios), separamos alguns exemplos de iniciativas que funcionam no Brasil e que são bem interessantes.

Repassa

O Repassa é um brechó online em que você recebe em casa a chamada “Sacola do Bem” para colocar todas as peças que pretende passar pra frente, enviando-as para o Repassa. Quando a peça for vendida você recebe uma porcentagem do valor, que pode ser utilizado para apoiar uma causa de sua escolha no site. O Repassa disponibiliza em seu site dados sobre o impacto ambiental e social da iniciativa nos últimos 12 meses, como economia de água, quantidade de gás carbônico que foram evitados, valores repassados para quem vendeu as peças e também valores doados para ONGs parceiras. Vale a pena conferir!

Impacto ambiental do Repassa nos últimos 12 meses. / Imagem: Print do site Repassa.

Closet BoBags

A Closet BoBags é especializada no aluguel e venda de bolsas e acessórios de luxo. Lá, além de alugar peças, você também deixa itens do seu closet disponíveis para que outras pessoas possam alugar. A iniciativa tem como filosofia o compartilhamento do armário, baseado no conceito de economia colaborativa, gerando menos impacto.

Enjoei

O Enjoei se autodenomina como marketplace mais simpático para comercializar roupas, acessórios, móveis, eletrodomésticos e outros objetos. Lá você pode vender aquelas peças que já estão há tempos esquecidas no guarda-roupa e comprar outras (novas ou usadas), de várias marcas e de pessoas que também querem mais espaço livre no closet. É possível criar uma espécie de lojinha virtual personalizada.  O Enjoei é um pouco mais abrangente, então além de moda você pode comprar ou vender itens de decoração, móveis, computadores, entre outros.

Imagem: Print do site Enjoei.

TROC

No TROC você encontra roupas, bolsas, sapatos e acessórios usados de marcas nacionais e internacionais. O intuito da plataforma é possibilitar que mulheres tenham acesso a produtos em ótimo estado e por preços bacanas. Eles recebem todas as peças e analisam individualmente. Já contabilizaram mais de 40 mil peças no acervo. Eles aceitam a partir de 15 peças e estas precisam estar na lista das marcas aceitas pelo TROC. Não são aceitos produtos com pele animal, couro sintético ou ecológico e peças sem etiqueta.

Etiqueta Única

O Etiqueta Única é um portal de luxo online que faz o intermédio entre a compra e a venda de artigos de luxo seminovos entre terceiros. Eles contam com uma equipe especializada em curadoria, autenticação e higienização das peças, tendo como objetivo disponibilizar produtos em excelente estado e também garantir que as peças sejam originais. Lá você encontra acessórios, bolsas, roupas e sapatos das principais marcas de luxo. Eles reforçam a importância de abrir mão de itens que não são mais usados na contrapartida de que pessoas que sempre quiseram determinados artigos de luxo possam adquirir estas peças em bom estado e de forma mais acessível.

Você também conhece uma iniciativa de moda consciente? Então compartilha com a gente!

 

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *