ConsumoMeio Ambiente

20 conselhos para diminuir nossa dependência do petróleo

Enquanto muitos países enfrentam as consequências de derramamentos de petróleos, ao redor do mundo aumentam as discussões sobre a dependência do petróleo: até quando podemos continuar as perfurações em locais tão inacessíveis? Qual é o limite?

A questão é muito complexa, mas podemos fazer a nossa parte ao observar e diminuir o consumo de petróleo em nossa própria vida. Assim, listamos uma série de conselhos para reduzir o consumo “pessoal” de petróleo, confira abaixo:

  • Use o transporte público com maior frequência. Embora essas opções normalmente façam uso de combustíveis fósseis ou de alguma combinação de combustíveis fósseis e renováveis, a capacidade de carregar muitas pessoas ao mesmo tempo torna-as uma melhor escolha do que o carro individual com uma única pessoa.
  • Evite o uso do automóvel. Dê carona. Se o trajeto for curto, ande de bicicleta ou a pé, deixe seu carro em casa;
  • Quando for possível, escolha produtos sem embalagens ou componentes de plástico, que é derivado do petróleo. Reutilize e recicle o plástico em casa sua casa;
  • Compre frutas e verduras orgânicas (muitos fertilizantes e pesticidas são feitos à base de petróleo);
  • Escolha produtos de beleza (xampu, sabonetes, cosméticos) fabricados com ingredientes naturais e sem os famosos microplásticos;
  • Produtos como lápis de lábios, delineadores para os olhos e esmaltes de unhas, entre outros, costumam conter derivados de petróleo;
  • Prefira produtos locais (para evitar o transporte em veículos movidos por combustíveis à base de petróleo);
  • Evite o uso de produtos descartáveis;
  • Não tome água engarrafada;
  • Viaje menos de avião, prefira trens e ônibus; Escolha conscientemente não voar tão frequentemente quanto você deseja. Muitas razões profissionais para voar podem ser trocadas por videoconferências ou adiadas até que mais itens possam ser agregados à agenda, no lugar de apenas um. Para viagens pessoais, faça aquelas com menos voos até o destino.
  • Apoie iniciativas que promovam energias renováveis;
  • Evite comprar produtos feitos à base de petróleo, como espuma de poliestireno, canetas esferográficas descartáveis – e até gomas de mascar!
  • Instale alguma fonte de energia renovável em sua casa, como painéis solares;
  • Deixe o termostato do aquecedor de sua casa no mínimo;
  • Quando vir caixas de sugestões em restaurantes e comércios, aproveite para recomendar menos embalagens e garrafas de plástico;
  • Se for possível, instale um aquecedor de água solar em casa;
  • Melhore o isolamento térmico de sua casa para evitar um grande consumo de energia;
  • Consulte seus chefes para verificar a possibilidade de trabalhar em casa ao menos um dia da semana, evitando os deslocamentos diários;
  • Vote e apoie os políticos que se dedicam à promoção de energias renováveis.
  • Se você puder, opte por dirigir longe de focos de engarrafamento na hora do rush e siga por um caminho mais suave e rápido que utilize menos combustível e lhe deixe também mais refrescado.

Você tem alguma outra dica? Analisando esta lista, qual é a área de sua vida com maior consumo de petróleo?

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *