ConsumoSemana TemáticaTecnologia

Smart Grid: a rede elétrica inteligente

É fato que a cada dia consumimos mais e mais eletricidade. Além dos essenciais equipamentos para qualquer casa como geladeira, televisão, chuveiro elétrico, há também aquela sua cafeteira, micro-ondas, ferro de passar. Também entram nessa conta os nossos celulares e carregadores, computadores e notebooks e, uma infinidade de gadgets.

Para poupar nossos recursos naturais e também o nosso bolso, precisamos sempre tentar reduzir nosso consumo de energia ou consumi-la de modo mais inteligente. Dessa necessidade de se consumir energia com eficiência, surgiu o Smart Grid.

Mas o que é o Smart Grid?

As smart grids são redes inteligentes de transmissão e distribuição de energia com base na comunicação interativa entre todas as partes da cadeia de conversão de energia. As smart grids conectam unidades descentralizadas de geração grandes e pequenas com os consumidores para formar uma estrutura ampla. Elas controlam a geração de energia e evitam sobrecarga da rede, já que durante todo o tempo apenas é gerada tanta energia quanto o necessário.

Graças à tecnologia, as smart grids conseguem responder a várias demandas da sociedade moderna, melhorando o desempenho em todo o sistema (eficiência energética), reduzindo os custos e ajudando no desenvolvimento sustentável.

Como funciona?

O Smart Grid é um sistema que automatiza não só o monitoramento, mas toda a gestão do uso de eletricidade. Começa-se pelos antigos medidores de consumo que são substituídos por medidores digitais.

Esta tecnologia tem como base uma nova arquitetura de distribuição de energia elétrica, mais segura e inteligente, que promove a integração e possibilita ações aos usuários a ela conectados.

Aliando tecnologia e automação de processos, equipamentos e protocolos, os sensores inteligentes são capazes de medir a qualidade da energia, proporciona o envio e recebimento de informações em tempo real, permite e um consumo de energia mais eficiente.

Benefícios

Já os benefícios são os mais diversos possíveis.

  • Causa um impacto significativo nos custos operacionais, uma vez que as informações são enviadas automaticamente e em tempo real;
  • É um modelo de negócio mais sustentável, pois ele viabiliza a redução de emissão de gás carbônico e outros resíduos poluentes;
  • Permite o acompanhamento constante do consumo individual na rede;
  • Com o Smart Grid é possível identificar com rapidez possíveis irregularidades na rede e fazer rapidamente correções ao detectar algum problema.

Pode parecer pouco, mas o Smart Grid representa uma grande evolução e também uma revolução energética no fornecimento e distribuição de energia.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *