Meio AmbienteUrbanidade

Como viver na cidade e ser sustentável?

Destaque

Das altas comunidades agrícolas do deserto nas montanhas de Drakensberg, na África Austral, até as ilhas tropicais na Tailândia, as pessoas estão percebendo as mudanças climáticas. A conscientização está aumentando o ímpeto e a mensagem está reverberando que a sustentabilidade é essencial para a nossa saúde e a do planeta.

Pouco mais de 55% da população mundial vive em áreas urbanas e espera-se que esse número cresça à medida que mais pessoas migrarem para as cidades. De acordo com pesquisadores globais que contribuem para o Project Drawdown, já temos as informações necessárias para reverter as mudanças climáticas nos próximos 30 anos. Aqui estão algumas idéias fáceis para você tornar sua vida na cidade mais sustentável.

Três ações revolucionárias que você pode fazer agora

1. Modifique sua dieta

A maneira mais rápida de reduzir a carne e os laticínios de sua dieta é ingerir mais vegetais, arroz e feijão. Mas talvez você esteja pronto para adotar uma dieta totalmente vegana. Vá em frente!

Se isso não é para você, você ainda pode reduzir o impacto, substituindo uma ou duas refeições por semana (no início) com uma escolha vegena ou vegetariana, como ter um cogumelo portobello e polenta em vez de um hambúrguer. Ou não faça da carne o foco principal da sua refeição.

Alimentação
Imagem: Creative Commons

Para gerar um impacto ainda mais sustentável, compre frutas e vegetais cultivados localmente. Uma dieta vegana é uma escolha inteligente para o meio ambiente, pois economizará água, retardará o desmatamento, reduzirá as emissões de gases do efeito estufa e utilizará as terras agrícolas de maneira mais eficiente. E isso sem contar os beneficios para sua saúde!

2. Compre Menos, Use Menos, Descarte Menos

Os 20% mais ricos do mundo consomem 76,6% dos bens e recursos do mundo, de acordo com os Indicadores de Desenvolvimento do Banco Mundial.

Reduzir seu consumo terá impacto na cadeia de suprimentos e atrasará a produção na fonte, reduzindo assim o desperdício que eventualmente acabará em um aterro sanitário.

Reduza a quantidade de plástico que você usa, carregando suas próprias sacolas reutilizáveis ​​e garrafas de água, por exemplo. Faça o seu melhor para comprar a granel e escolha produtos que tenham menos embalagem.

Lixo
Imagem: Creative Commons

Se você tem o poder de decisão na sua casa, considere o uso de vidro inteligente e termostatos inteligentes, lâmpadas LED, banheiros de baixo fluxo, chuveiros, máquinas de lavar e isolamento de alta qualidade.

Colete a água da chuva em caixas especializadas. Economize água fria não utilizada do seu chuveiro para regar as plantas de casa, ou até mesmo redirecione os canos para regar as árvores.

Se você tem espaço ao ar livre, inicie ou reforme um jardim existente com plantas resistentes à seca, em vez de gramados sedentos. Construa uma pilha de compostagem ou use uma caixa de minhoca. Seja criativo e divirta-se!

3. Recicle

Tente apontar para o desperdício zero, em que todos os resíduos domésticos são reutilizados ou reciclados. Faça uso de suas lixeiras de reciclagem. Garrafas de plástico e sucatas podem ser transformadas em ecobricks para projetos de construção criativa.

Reciclar
Imagem: Creative Commons

Adapte as correspondências indesejadas para fazer colagens, reutilize jornais antigos. A principal sugestão da lista de 100 principais soluções do Drawdown para reverter a mudança climática é garantir que você recicle corretamente seu antigo refrigerador, para converter os HFCs em algo menos tóxico para a atmosfera. Trabalhe com grupos locais e internacionais para apoiar a reciclagem adequada e mudar para refrigeradores naturais.

Pequenas ações podem ter grandes resultados

Como consumidores, temos mais poder do que geralmente pensamos. Se nos unirmos e dissermos não às práticas insustentáveis, começaremos a ver uma diferença na fonte.

Coloque sua paixão em prática participando de eventos ambientais e juntando-se a outras pessoas que compartilham ideias semelhantes para compartilhar soluções e aumentar a consciência. Organize um EcoChallenge no trabalho, na escola ou na sua comunidade.

Você não precisa fazer todas essas alterações da noite para o dia. Escolha uma ou duas ideias atraentes e veja onde ela leva você. Dar pequenos passos para se tornar mais sustentável pode ser simples e viciante.

Bike
Imagem: Creative Commons

Outras pessoas logo começarão a notar quando você for de bicicleta para o trabalho, beber com seu próprio canudo reutilizável ou cultivar um jardim próspero. Pense nas mudanças que podem ser feitas no mundo se for feito como um movimento coletivo. Por que não começar hoje?

 

assinatura_Maria_Eduarda

 

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *