EducaçãoMeio Ambiente

Por que incluir os ODS na escola?

No dia 25 de setembro os ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU completaram 4 anos. A Agenda 2030, como também é conhecida, é composta por 17 objetivos globais ambiciosos, complexos e urgentes.

Desde seu lançamento, em 2015, temos levado os ODS e todas suas potencialidades para dentro do contexto educacional formal.

Imagem: Ministério das Relações Exteriores

Os ODS ampliam o leque de possibilidades para se trabalhar com sustentabilidade na escola. Junto das temáticas mais comumente trabalhadas como água, resíduos e horta complementam-se questões como equidade de gêneros, cultura de paz e erradicação da pobreza.

Além disso, colocam a escola e os alunos em um contexto global, trazendo a compreensão de que o que é desenvolvido na escola está conectado com um cenário amplo e sistêmico. Os alunos podem entender e praticar a visão de agir localmente e pensar globalmente.

Imagem: Creative Commons

Muitas instituições, políticas públicas e empresas também têm trabalhado com a Agenda 2030. Dessa maneira, é possível alinhar a comunicação e dialogar mais facilmente com diferentes atores.

Trabalhar com uma agenda composta por utopias coletivas e individuais pode ser um grande desafio para a escola, mas ao mesmo tempo proporciona um trabalho interdisciplinar, colaborativo, contextualizado e focado na solução de problemas.

Temos 11 anos para nos aproximar cada vez mais dos objetivos estipulados. Será utopia ou possibilidade?

 

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *