Meio Ambiente

É hora de trazer de volta a Natureza

O que fizemos com a natureza? O mundo natural esta ao nosso redor, acima, abaixo e dentro de nós. E ainda assim banimos seu mistério e beleza de nossos pensamentos e ações, de nossas vidas.

À medida que nos aproximamos do “que vem a seguir” para a espécie humana, começamos a perceber a necessidade de nos adaptarmos e evoluirmos, trabalharmos com a natureza em vez de contra ela, para garantir o nosso lugar dentro de uma história que é maior do que todos nós.

É hora de trazer de volta a natureza, convidá-la para nossas vidas, de todas as diferentes maneiras que podemos pensar: para nossa terra, para nossos corpos, para nossas almas, em nossas histórias, na forma como vivemos e trabalhamos, para nossa cultura.

Mas, como podemos trazer de volta a natureza? Como nos aproximamos disso? Como nos reanimamos?

Imagem: Maria Eduarda Souza – Autossustentável

Por que não “viajar” para um lugar “onde as coisas selvagens estão”? Um lugar suspenso no tempo e no espaço. Um lugar onde as lições são dadas para guiar nosso caminho de volta à nossa natureza selvagem.

Mitologia é este caminho para naturalizar o que deve ser selvagem em nós. O caminho para o nosso próprio “mundo perdido”. Histórias carregam elementos vitais que podem nos ensinar sobre a condição de nossas vidas e do planeta Terra. As histórias que precisamos agora chegaram, perfeitamente a tempo, cerca de cinco mil anos atrás. Vamos começar a recordar?

Imagem: Maria Eduarda Souza – Autossustentável

Voltamos a um lugar onde a força criativa e o fluxo da natureza não conhecem limites, onde animais extintos e selvagens vagueiam livremente. Este é um lugar onde você não sabe bem o que esperar, um lugar cheio de surpresas, mistérios e tesouros. Um lugar que pode evocar um profundo desejo em você e um sentimento esmagador de pertencer à terra.

Imagem: Maria Eduarda Souza – Autossustentável

Atualmente estou oferecendo programas educacionais para explorar histórias, mitos antigos e atividades de conexão da natureza que nos aproximam de nossos próprios sentimentos e pensamentos sobre pertencer a natureza.

Realizo essas vivências e cursos em Shanghai, na China. Porém, deixo aqui 2 livros que tem um espaço especial em minha jornada para quem quer fazer este movimento de se reconectar com o Ser selvagem através de histórias.

Você pode se conectar comigo online também. Deixe um comentário ou me mande uma mensagem que será um prazer conversar sobre mitologia e natureza com você! Email: mariaeduardamsouza@outlook.com

Xingu: os índios, seus mitos por Claudio e Orlando Villas Boas

Xingu: os índios, seus mitos por Claudio e Orlando Villas Boas. Este livro é uma coleção de histórias e mitos testemunhadas e recontadas pelos irmãos Villas Boas durante suas expedição ao Território Indígena do Xingu. Leia mais um pouco sobre o Jeito Indígena de Ser, clicando aqui.

Mulheres Que Correm Com os Lobos por Clarissa Pinkola Estés

Mulheres Que Correm Com os Lobos por Clarissa Pinkola Estés. Este livro interpreta mitos e contos de fadas na busca pelo arquétipo da mulher selvagem. A cada capítulo uma história é contada e interpretada como iniciação e lição.

 

assinatura_Maria_Eduarda

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *