Saúde

Tratamentos para Linfedema – Recuperando Bem-Estar e Qualidade de Vida

Manter a saúde física e mental é essencial para o bem-estar e uma melhor qualidade de vida. Devido à pandemia, tivemos nossa rotina de vida drasticamente alterada.

A adoção de home office deixou a rotina diária ainda mais agitada com vida profissional e pessoal compartilhando o mesmo espaço. E isso colaborou para que muitas pessoas desenvolvessem maus hábitos de vida, como o sedentarismo – por falta de atividades físicas – e alimentação nada saudável – com a explosão do consumo de fast food por entrega.

Imagem: Freepik

Os maus hábitos afetam nossa saúde, provocando sobrepeso, obesidade, aumento da chance de desenvolvimento de alguns tipos de câncer e doenças crônicas como diabetes e pressão alta. Esses distúrbios potencializam o surgimento de linfedemas, que afeta 15% da população mundial.

O linfedema ocorre por danos no sistema linfático que é composto por vasos e gânglios linfáticos distribuídos pelo corpo. Funcionando paralelamente ao sistema circulatório, esse sistema tem como principal função controlar os fluidos teciduais, ou seja, coletar e transportar água, proteínas, gorduras e outros resíduos das células do corpo – substâncias que compõe a linfa.

Imagem: Freepik

O tipo mais comum de linfedema é o de membros inferiores, atingindo até 80% das pessoas que desenvolvem essa doença. Inchaço e sensação de peso nas pernas devido ao acúmulo de linfa, diminuição da mobilidade e dores são alguns dos sintomas do linfedema nas pernas. Essa doença compromete a qualidade de vida dos pacientes, pois reduz sua independência e impacta diretamente na imagem corporal.

Assim, os tratamentos para linfedema nas pernas são de extrema importância para a recuperação da auto-estima e da qualidade de vida. Drenagem linfática; tratamento com meia de compressão; uso de medicação; exercícios físicos e avaliação nutricional; e tratamento com aparelhos de retorno venoso são alguns dos tratamentos existentes para linfedema nas pernas, que devem ser prescritos de acordo com o estágio da doença.

Imagem: Freepik

É imprescindível a busca por assistência médica qualificada assim que os primeiros sintomas surgirem, pois quanto antes for iniciado o tratamento, mais rápido os sintomas podem ser atenuados. Com a avaliação médica é possível dar início ao tratamento que, além de auxiliar o indivíduo a melhorar a condição de maior gravidade, também colabora para a manutenção da saúde ao longo de tempo.

 

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.